Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Brega & Chique

Este é um blogue de uma mulher portuguesa com todas as (f)utilidades inerentes a essa condição...

Catarse

 Uma das razões porque gosto de "escrevinhar" é porque tem um efeito catártico sobre mim. Mas, antes de continuar, se calhar convém ir ao dicionário buscar definições para nos alinharmos... Ora, então, segundo o dicionário da Priberam:

 

ca·tar·se |z|
(grego kátharsis, -eós, purificação)

substantivo feminino

1. [Filosofia]  Palavra pela qual Aristóteles designa a "purificação" sentida pelos espectadores durante e após uma representação dramática.

2. [Psicanálise]  Método psicanalítico que consiste em trazer à consciência recordações recalcadas.

3. [Psicanálise]  Libertação de emoção ou sentimento que sofreu repressão.

4. [Medicina]  Evacuação dos intestinos.

Hum... Tinha aí uma definição que eu também desconhecia, mas que confere...

 

Hoje vou discorrer sobre aquelas pessoas com as quais, inevitavelmente, nos vamos cruzando ao longo da vida. Pode ser um familiar, um amigo, um colega de trabalho ou um namorado. Falo daquele tipo de pessoas que passa por cima de todos só para se evidenciar e tirar vantagem, magoando sem quaisquer remorsos, especialmente os que mais estão a seu lado. Em suma, o mal alheio é o que lhe proporciona felicidade.

 

Estas pessoas têm, na realidade, uma grande falta de autoestima, embora, por fora, pareçam os "reis da cocada preta" (já agora, sugiro que façam uma pesquisa no google sobre esta expressão idiomática e vão ver se não é tal e qual...). São desprovidas de verdadeiros valores morais, embora apregoem o contrário. Têm prazer em deitar os outros abaixo porque, assim, se sentem melhores; na realidade, não têm amigos porque nunca conseguem ser verdadeiros com ninguém e recusam tirar a máscara que usam até a dormir, se for preciso.

 

Conhecem alguém assim...? Afastem-se! Porque esta gentalha nunca vos trará nada de bom. Só enganos, mentiras, deceções, traições e tudo o seja falso. Neles nada é verdadeiro, simplesmente porque o teatro é tanto que já nem sabem o que é real, o que nos leva à definição aristotélica...«"purificação" sentida pelos espectadores durante e após uma representação dramática».

 

Já a definição «método psicanalítico que consiste em trazer à consciência recordações recalcadas» é o processo inicial que temos de fazer para atingir o fim catártico. Juntar as peças do puzzle e ver o que não encaixa. Depois, sim, as coisas começarão a fazer sentido, vistas de um prisma diferente... A partir daí, podemos fazer a «libertação de emoção ou sentimento que sofreu repressão», ou seja, os nossos próprios sentimentos e a nossa pessoa, claro, que andavam aferrolhados naquilo...

 

Por último a definição para a medicina :«evacuação dos intestinos». Por outras palavras, e contextualizando, deixar a merda ir...

 

Comigo resulta! E com vocês?...

 

 

Melted Latex Liquified High shine lipstick «Safe word» da Too Faced

IMG_20180329_160108.jpg

Nas lojas da Sephora ainda vão a tempo de agarrar os batons "Melted Latex» da Sephora por apenas dez euros! Provavelmente o produto vai ser descontinuado e daí a razão desta redução.

 

IMG_20180329_160234.jpg

A cor que veio morar cá para casa foi este rosa clarinho chamado "Safe word» que eu adorei. É um "rosa bebé" que eu adorei.

 

IMG_20180329_160247.jpg

 

IMG_20180329_160209.jpg

 

 

No total há 16 cores, mas na loja onde comprei já não havia todas. Trata-se de um batom com efeito verniz. Parece um gloss, mas na realidade é um batom. Aqui estão todas as cores.

 

IMG_20180329_160306.jpg

O aplicador é bastante eficaz e a duração é boa. Aqui fica a cor aplicada:

 

IMG_20180329_160345.jpg

E a lista de ingredientes:

IMG_20180329_160137.jpg

 Sei que já não escrevia nada há uns tempos... Mas voltei!

Brilho para começar o ano: "Body Sparkles 48" e "Pure Pigment Eye Shadow 121" da Inglot

IMG_20171231_092400.jpg

 

Tirando o Carnaval, não há melhor noite para brilhar como esta. E digo brilhar no sentido literal do termo, porque podemos utilizar maquilhagem com pigmentos e muitos brilhos. Antes de irmos ver estes produtos, quero aproveitar para desejar a todos um ótimo ano de 2018.

 

IMG_20171231_092442.jpg

 

 Os brilhos que tenciono usar hoje são da Inglot, o Pure pigment eyeshadow, na tonalidade 121, que é um dourado muito claro e brilhante e o Body sparkles na cor 48, que é um dourado mais escuro, a tender para o cobre.

 

IMG_20171231_092648.jpg

 

Embora um mencione ser apenas para os olhos e só o outro (mais pequeno) para o corpo, a menina da loja disse-me que poderia utilizar ambos no corpo. Aqui ficam as amostras.

 

IMG_20171231_092705.jpg

 Até 11 de janeiro, têm 30% de desconto na compra de dois (no valor do gliter ou pigmento de preço mais baixo). Portento, o mais pequeno (o Body sparkles custou 14€ e o outro custava 13€; com os tais 30% de desconto, o segundo ficou por 9,10€. Podem comprar numa loja física da Inglot ou na loja online aqui e aqui. Deixo ainda as habituais listas de ingredientes.

 

IMG_20171231_092524.jpg

 

Mais sobre mim

foto do autor

Quantos somos no Facebook?

Seguir no bloglovin

Seguidores

Quantos andam aí?

Visitas

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Noi hablamos autres lenguas

subscrever feeds

Partilhar no Facebook

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.