Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Brega & Chique

Este é um blogue de uma mulher portuguesa com todas as (f)utilidades inerentes a essa condição...

Os (des)arrumadores de carros

Arrumadores de carros pedem legalização da actividade em Viseu

Se vais já atrasada para um compromisso qualquer, num sítio em que é difícil estacionar e vês lá ao fundo uma mão de um arrumador de carros a indicar-te um lugar, agradeces e (porque não?) até contribuis com alguma coisa. Afinal de contas, o homem prestou-te um serviço que, quanto mais não seja, te poupou tempo. Certo. A mim não me custa nada dar "a moedinha" quando assim sucede. Outra coisa foi o que se passou recentemente comigo...

Depois de andar quase um quarto de hora à procura de estacionamento, ter desistido e ter encostado para que alguém viesse e tirasse o carro, depois de conseguir, eis que me surge lá do fundo a correr o "artista". Saio do carro, sem sequer perceber o que ele ali fazia quando ele, entre dentes, me pede "a contribuiçãozinha". Respondo-lhe que fui eu que arranjei o lugar, mas que quando voltar pode ser que dê qualquer coisa, viro costas e...

... depois de andar uns metros, ouço-o dizer qualquer coisa do género "se o carro ainda cá estiver" ou algo assim. Passei-me. Literalmente. Virei-me a ele de tal forma danada que ele recuava e eu avançava. Mas que c...? Eu passo mais de um quarto de hora à procura de lugar, arranjo eu o estacionamento e vem ele exigir-me dinheiro?! À causa do quê? É o dono do parque? Prestou-me algum serviço? Que obrigação tenho eu de dar? Ou até de ter para dar?! E, ainda por cima, me ameaça?! Quem?!!!! 

Se ele não recuasse, no mínimo, tinha levado uma malada. Ameacei chamar a polícia e fazer queixa. Só mais tarde me passou pela cabeça usar as novas tecnologias para captar a imagem de quem me ameaçava. Ele não estava à espera da minha reação e ficou com medo. Uns metros à frente, por acaso, encontrei um carro da polícia e fiz queixa. Disseram que iam tratar do assunto e devem ter ido, porque quando cheguei o carro estava como o deixei e o "melro" tinha sumido.

Não sei qual é a ideia desta gente. Acha que temos obrigação de os sustentar...? E aos seus vícios, o que é pior...? Nem pensar! Dou, sempre e quando considere que me foi prestado um serviço. De resto, venham-me cá com ameaças e pode ser que "a Páscoa lhes saia ao sábado".

 

Foto: http://www.jornalviarapida.com/regiao/arrumadores-de-carros-pedem-legalizacao-da-actividade-em-viseu

Mais sobre mim

foto do autor

Quantos somos no Facebook?

Seguir no bloglovin

Seguidores

Quantos andam aí?

Visitas

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Noi hablamos autres lenguas

Partilhar no Facebook

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.